Um dia de cada vez!

page2

Hoje de manhã eu saí para caminhar. Já nos primeiros passos pensei em voltar para casa. Eu tinha acabado de acordar, as pernas ainda estavam fracas e começaram a doer quando virei a primeira esquina. Decidi continuar porque prometi pra mim mesmo que cuidaria melhor da minha saúde e do meu corpo. Na rua o silencio ecoava, sendo raramente interrompido por um cantar de pássaro ou um latido de cachorro. Na minha cabeça meus pensamentos rodavam como num furacão! O primeiro dia útil do ano, voltar a rotina, retomar os trabalhos, cumprir as responsabilidades, fantasmas de sonhos antigos e milhões de ideias novas. Tudo se passava ao mesmo tempo, girando e girando, e era impossível pensar em um único assunto por mais de dez passadas. A empolgação das novidades se misturava com o medo das tarefas antigas, dos prazos que se aproximam. Me senti tendo um ataque de pânico no meio da rua, sentia que a minha mente estava transbordando e que pifaria a qualquer momento.

Foi então que meu desespero interno foi interrompido por um “Bom dia”. Era um senhor que cortava a grama que nascia entre os desenhos da sua calçada. “Feliz Ano Novo, um pouco atrasado, mas está valendo!” ele disse muito sorridente! Aquilo me fez sorrir também e num instante me senti vazia, em branco como uma folha de papel que espera para ser escrita. A cabeça ficou leve e eu me concentrei apenas nas minhas passadas, que agora eram mais pesadas pois o plano se transformara numa subida ingrime. Um passo, outro passo, mais um.. Foi dessa forma que com um pouco de esforço eu cheguei ao topo. Durante toda a subida só o que me preocupava era colocar um pé na frente do outro, dar um passo de cada vez para não cair.

Foi cansativo, mas valeu a pena. Cheguei em casa me sentindo bem. Percebi que todos os dias a vida arruma uma maneira de me dizer: “Viva um dia de cada vez” e eu sempre achei que estava fazendo certo. Mas meu mini ataque desesperador essa manhã me mostrou que eu ainda estou longe disso! Dar um passo de cada vez é a melhor maneira de se evitar uma queda, se preocupar com um problema de cada vez então seja a melhor maneira de se evitar estresses e sofrimentos.

Mais um ano se inicia e mais uma vez ser mais paciente e não sofrer tanto por antecipação estão na minha lista de metas. Sinto que cada ano que passa eu dou um novo passo na direção certa e com um passo de cada vez eu vou me aproximando dos meus objetivos. Não adianta querer tudo para ontem, devagar se vai ao longe e com esforço é que se conquista os sonhos!

Um passo, outro passo.. assim vai o meu ano! E o seu?

Anúncios

Deixe aqui o seu comentário. Ele é muito importante!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s