Tenho medo de… | Semana 33

Semana33_1

Acho que ninguém gosta de falar dos próprios medos. Eu pelo menos não gosto, me sinto muito exposta e tenho receio de que as pessoas mudem a forma como me vêem por conta dos meus medos!

… invadirem minha casa. Quando eu era mais nova uma pessoa entrou na minha casa enquanto estávamos dormindo e fez uma boa limpa. A perda material não me incomodou nem um pouco perto da sensação de violação que senti, é como se eu não pudesse me sentir segura nem dentro da minha própria casa! Uma pessoa entrou na minha casa, no meu quarto e passou tempo suficiente lá para levar várias coisas, imagina se ele/ela decidisse machucar alguém? Por mais que hoje a gente tenha muito mais segurança, sempre fico um pouco agoniada quando escuto um barulho de madrugada…

… não conseguir realizar meus sonhos. Aquele medinho clichê que todos temos, de falhar com os outros, mas principalmente de falhar com nós mesmos! A gente passa a vida sonhando com o que quer ter e o que quer ser, mas sempre temos medo de não conseguirmos realizar tudo o que nos propomos! Sei que não dá pra ter tudo na vida, mas o que estiver ao meu alcance eu vou sempre dar o meu máximo para conseguir! 😉

… perder a memória. Eu posso perder até o último centavo que me resta, mas a ideia de perder a memória me deixa muito agoniada. Eu sou muito ligada às pessoas, aos acontecimentos e estou sempre dando um jeito de registrar tudo o que eu vejo e vivo para nunca esquecer! Imagina de uma hora pra outra esquecer tudo e todos que são importantes pra mim? Eu ia ter um treco!

… aves. Muito mais de galinhas e pombos, mas de animais com penas e asas no geral! Esse é aquele medo vergonhoso que eu tento esconder ao máximo das pessoas, mas quem sabe faz o favor de espalhar aos 7 ventos! haha Hoje em dia eu não ligo muito mais, aceitei que sempre vão achar graça desse medo. Pelo menos ninguém inventou de me dar uma galinha de presente 😉 Não sei de onde surgiu, só sei que tá aí há muitos anos já, mas recentemente está mais sob controle!

… morte. Não tenho medo de morrer, mas tenho medo de perder pessoas queridas! Sei que é inevitável e que uma hora todos vamos deixar esse mundo pra traz, acredito que a alma não morre com o corpo e que temos muitas vidas pra viver, mas quando penso que terei que passar o resto dessa minha vida sem alguém importante meu coração aperta! Tenho medo de como vai ser quando algumas pessoas não estiverem mais por perto, como eu vou ficar, o impacto que isso vai causar na minha vida e o quanto eu vou sofrer com a falta delas, por isso tento evitar ao máximo pensar no assunto!

E vocês, tem medo do quê?

Este é um post do Desafio 52 semanas! Para entender o que é o desafio clique aqui e para ver todos os posts já publicados clique aqui.

 

Anúncios

Deixe aqui o seu comentário. Ele é muito importante!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s