The Umbrella Academy | Episódio 3 | Temporada 1

f5087693-dfaf-4ba0-aed6-e76c18eac3c9-608-00000100ff471946
Fonte Express

O mistério da fita do último episódio é logo resolvido! Ao que parece a Mãe (agora conhecida como Grace) estava com o Sr. Hargreeves no momento de sua morte. Ela havia levado chá para ele, como todas as noites, e ele então começa a passar mal, mas Grace simplesmente sai do quarto. Sabemos que ela foi programada para cuidar, mas ela não demonstrou muita preocupação pelo pai. Será que ela estaria envolvida de alguma forma? Ou talvez ela só esteja dando defeitos mesmo?

A família toda estava envolvida na conversa sobre desligar ou não a Mãe, mas a decisão coube secretamente a Diego. A cena final dos dois é uma das mais emocionantes até agora e dá pra perceber que ele está muito mal com toda a situação. Ele sempre foi o mais próximo da mãe e fez de tudo para que ela não fosse envolvida na história da morte do pai, ao ponto de pegar o monóculo que estava com ela para protegê-la.

Temos alguns conflitos internos aparecendo, principalmente para Vanya e Kalus. Vemos que Vanya sofreu muito na infância por não ter poderes, e agora sofre bullying da colega de profissão! Vanya toca violino na orquestra mas nunca passou da terceira fileira. Dá pra perceber pela forma como ela conversa com a violinista principal (first chair) que ela tem medo de arriscar. Será que ela realmente não tem potencial ou será só o trauma de uma vida toda a impedindo de conseguir evoluir? Talvez o Leonard seja uma boa pessoa para ela, faça ela enxergar o seu valor!

Já Klaus não parece muito confortável com sua habilidade de ouvir os mortos. Ele procura diferentes maneiras de calar as vozes, mas aparentemente a droga é a melhor saída. Ele se desliga tanto do mundo que nem percebe a invasão da Academia (e ainda é sequestrado!). Essas cenas dele alienado misturadas com cenas de luta fazem uma representação muito boa dos efeitos da droga no corpo!

Falando da invasão, achei que serviria para unir a família, mas acaba os afastando mais ainda! Vanya se sente mais perdida que tudo, como um problema para os irmãos; Conhecemos a realidade de Luther, que parece ter um corpo de macaco! Seria isso uma mutação ou algo que já nasceu com ele? Percebemos também que os irmãos não ligam muito para o Klaus, dado que após a confusão ninguém deu falta dele!!

Sei que ainda está bem no começo, mas não vejo a hora dos irmãos realmente se unirem como uma família e agirem juntos!

E vocês, o que esperam dos próximos episódios?

Anúncios

The Umbrella Academy | Episódio 2 | Temporada 1

Fonte Den of Geek

O episódio começa com uma cena de flashback. Tudo que envolve o passado é mais colorido e inocente! Luther e Alisson trocando sorrisos, Diego se divertindo talhando a cadeira de jantar, Klaus enrolando um baseado, Ben lendo um livro. Mas o Número 5 tá sempre ali pra causar né? Vemos ele e o pai tendo um desentendimento sobre viagem no tempo e logo em seguida, o menino desobediente quebrando as regras e indo parar no futuro pós apocalíptico!

Eu cheguei a achar que o jeito pretensioso e debochado do Número 5 fosse consquência de tantos anos vivendo sozinho, longe da família. Mas aos poucos vamos percebendo que na verdade ele sempre foi assim, sempre se julgou melhor do que os outros. E esse jeitão pode acabar interferindo na relação dele com os irmãos de forma a atrapalhar o plano de salvar o mundo!

Ele tem uma pista, um olho de vidro, que pode levar a alguma informação importante sobre como evitar o apocalipse, mas vai precisar da ajuda de um “adulto” para tal, já que ninguém leva a sério um senhor de idade preso em um corpo de menino, né?

Tem gente nova no pedaço e tenho que confessar que os nomes dos personagens, ou falta deles, dá um toque muito divertido para a história! Hazel e Cha-cha podem entrar pra lista de melhores nomes de vilões! Eles procuram por “um deles” e tem uma caixa inteira de suprimentos para fazer isso. Sinto muito pelo moço que foi eletrocutado vivo, mas convenhamos de que se ele fosse realmente o Número 5 ele não teria sido pego tão facilmente, né?

Temos Diego bancando o detetive, investigando a loja de rosquinhas. Ao que tudo indica ele já trabalhou pra polícia, talvez tentando dar um significado a tudo que viveu dentro da Umbrella Academy. Mas as coisas não terminaram bem pra ele nesse quesito, e aparentemente também não funcionaram no quesito amoroso com a Detetive Eudora.

Luther não sabe muito bem o que fazer da vida na Terra, então decide investigar mais a fundo sobre Diego. Ele descobre que o irmão limpa o chão para sobreviver e que não poderia estar envolvido na morte do pai, por estar ocupando lutando! Mas mesmo assim ainda não explica muito o que ele fazia com o monóculo do pai.

Klaus está cada vez mais enrolado com as drogas e chegou ao ponto de trocar uma peça muito importante da coleção de seu pai por dinheiro. Agora informações importantes estão jogadas por aí.

Vanya coitada, só leva coice de todo mundo! A autobiografia dela realmente não fez muito sucesso entre os irmãos. Ela está sempre sob efeito de remédios, seriam antidepressivos para superar todo o trauma da infância? Pelo menos parece que ela arrumou um aluno bacana e alguém mais da idade dela para conversar!

A relação de Alisson com Luther se desenrola um pouco mais e eles se reaproximam quando ele procura saber sobra a filha dela. Mas ela ainda está muito sensível sobre o assunto. Para tentar dar uma animada Pogo resolve mostrar a ela as gravações que seu pai fazia. Em uma das fitas ela vê algo que a deixa bem perturbada. Seria uma mensagem do pai? Uma gravação do quarto dele na noite da sua morte?

Um dos pontos altos desse episódio para mim foi a cena da perseguição ao Número 5 na loja de departamento ao som de QUEEN! “Travelling at the speed of light” cai bem com Número 5. Até agora a produção está arrasando!

E vocês, o que estão achando?